11 comments on “Mouros Negros e Mouros Pretos

  1. Apreciado Frederico,
    Estou a preparar a viajem com os meus filhos teenagers a Marrocos e procurava referencias da presença dos Portugueses em Marrocos. Por milagre encontrei este site que é maravilhoso. Muito obrigado pela muitas centenas de horas que deve ter dedicado a este projeto, o resultado é extraordinario nao só pelo registo detalhado do que ainda existe em Marrocos mas também pelo enquadramento histórico com Portugal-Espanha e pelas referencias bibliográficas.
    Bem haja!

    • Caro Manuel
      Ainda bem que gosta. São de facto centenas de horas, mas com imenso prazer na leitura de pesquisa e na escrita.
      Cumprimentos

  2. Amo história adorei este blog muito esclarecedor, adorei saber mais sobre negros pardos mouros sempre bom saber mais.

  3. Pingback: Negros escravizaram portugueses por mais de 741 anos – O Libertario O Libertario

  4. Pingback: Negros escravizaram portugueses por 741 anos. |

  5. Pingback: Negros escravizaram portugueses por 741 anos. - LEF

  6. Meu caro Frederico, tem sido um enorme prazer disfrutar do teu blog, com crónicas tão interessantes quanto profundas. São, na verdade, um motivo para vadiar a memória pelo mundo, ao mesmo tempo que, pela tua escrita, se reforça uma maneira de estar no mundo, correcta e sensível. Obrigado. E escrevo, finalmente, porque,sendo o último dia do ano, antecipo o gozo de um 2015 com a leitura das tuas mensagens reconfortantes e plenas de saber. Que mandes muitas, em função da muita saúde e paz que te deseja, com amizade, o João Campos

    • Caro João. É um prazer “ver-te” por estas bandas e uma honra receber um comentário tão lisonjeiro vindo da tua pessoa. Espero continuar a ser merecedor da tua leitura. Um grande abraço e muita saúde

    • Jah. Meu carissimo Frederico, sua exelẽncia e maestria em colocar a mystória negra pelo enfoque da realidade, etnica cultural é formidavel e sbsolutamente esclarecedora, fazendo frutificar a árvore genealógica da acestralidade Preta e Negra ou generalizando MelaniAnus. Parabens. espero poder divulgar o meximo sua visão explicativa do que chamo de ” My “stória diferenciando de “His”stória, My contada por mim mesmo e His que é o que pertence ao outro. quem conta His stória não conta a dele conta a dos outros como se fosse dele. e voce conta perfeitamente a Mystória Mystica e My. Parabens.

      • Caro Tikinho
        Palavras sábias. Entre a minha história e a história dos outros fica um mundo de histórias que são de uns e outros e que se entrecruzam num sem fim de realidades.
        Um abraço

Deixe uma Resposta para Manuel de Araujo Daniel Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s